Com apenas 22 anos e em sua segunda novela só esse ano, o carioca Bruno Montaleone segue em ascensão na carreira e promete muito mais. Atualmente na novela “O Tempo Não Para” com o personagem Bento, que vive entre dois tempos, onde estão suas ideias e onde está fisicamente depois de “descongelado”. Um verdadeiro poeta revolucionário nos dias de hoje, que faz Bruno se esforçar ainda mais como ator. Um verdadeiro desafio gostoso de se ver. E nas horas de folga, namoro, surf e um bom livro. Afinal. O tempo não para. Muito menos ele!

Bruno em 2018 já emplacando duas participações em novelas, a primeira “O Outro Lado do Paraíso” e agora “O Tempo Não Para”. Como está sendo esse movimento todo na carreira? Eu ainda estava gravando cenas de “O Outro Lado do Paraíso” quando recebi o convite para a trama do Mario Teixeira. Não participei da preparação inicial com os outros atores, então a composição do meu personagem foi bem corrida. Tudo foi na raça. Vi muitos filmes sobre o tema, pesquisei e li. Corri atrás e tenho mesmo que dar gás em tudo agora. Sou jovem e tenho que trabalhar e eu AMO tudo isso.

Como avalia sua evolução como ator? Estou sempre assistindo a tudo que faço e pontuando fatores em que posso melhorar. A cada trabalho que faço, eu continuo nervoso para que tudo dê certo. Sou bem cauteloso. Não posso perder a dedicação, acredito que isso seja um ponto positivo para minha evolução.

Agora com o Bento da novela das 19h você tem uma missão de trazer um personagem de época para os dias atuais. Qual o maior desafio para você? Acho que o maior desafio foi cuidar do megahair (risos). No início fiquei mega nervoso com a prosódia, o linguajar é difícil, bem diferente do que estou acostumado.

E agora com novo visual e bigodinho. Já acostumou? Nunca tive um bigode tão grande, incomoda um pouco quando entra no nariz, mas estou gostando.

Como tem sido participar desse novo trabalho? Como você avalia a personagem? Enxerga algo seu nele? O Bento é um super-romântico, eu também sou um pouco. Ele é aventureiro e eu admiro isso, luta pelos sonhos dele, é por aí e eu gosto que ele faz muita besteira, eu acho interessante esse lado dele.

Como ser um poeta rebelde e revolucionário nos dias de hoje?! (risos) Tem sido um desafio muito interessante, o Bento tem um lado muito cômico no meio de todo esse romantismo poético. Juntando isso ao linguajar de época, acaba não sendo tão levado a sério e tudo acaba ficando muito engraçado, me divirto vendo as cenas dele. (risos)

Como está sendo a repercussão nas ruas? E você se cobra muito? Tenho recebido um retorno muito positivo, a galera se diverte com o jeito atrapalhado do Bento. Acabo me cobrando de manter todo esse carinho que recebo do público pra tornar o personagem cada vez mais cativante.

Como lida com redes sociais? Qual o seu limite entre o público e o privado? Acho as redes sociais um canal incrível que me aproxima muito dos meus fãs, do feedback do público, procuro postar meus trabalhos e minha rotina porque isso acaba criando uma proximidade, mas claro que tudo tem um limite, os momentos especiais não são fotografados, ficam na mente.

Qual a função do ator além de entreter? Enxerga algo além? Acho que o ator tem um papel importante que toque de verdade quem está assistindo, que cause identificação com o telespectador, assim nós conseguimos ter uma troca com o público que acaba se vendo nas situações.

É um cara muito vaidoso? Até que ponto? Do que não abre mão? Me preocupo com roupa, gosto de estar sempre bem vestido. Me amarro em meias coloridas, com mensagens engraçadas, sou também viciado em moletom com short.

Os valores da sociedade estão sempre em discursão em “O Tempo Não Para”, o que é mais válido ressaltar nessa discursão toda? O que vê de mais importante nisso? A novela traz em discussão a mudança dos valores que vem sido atribuída ao longo dos anos, sem diminuir ou ressaltar o de alguma época específica, acho isso importante porque mostra que independente do tempo, vivemos uma pluralidade imensa, então os valores pessoais de cada um devem ser entendidos e respeitados.

Nas horas de folga o que faz sua cabeça? Curto ir à praia, surfar, ler. Ou quando minha namorada está por aqui, dedico esse meu tempo a ela.

O que faz uma pessoa ser atraente aos seus olhos? O que a torna interessante? Gosto muito de pessoas humildes, que saibam como tratar o próximo, isso me cativa DEMAIS. Pessoas empáticas.

Planos para 2019 depois da novela? Estou terminando a novela agora em janeiro e ando focado apenas nisso, ainda há muita coisa para acontecer até lá e preciso me preparar e estar ligado só nisso para finalizar meu papel com excelência. Em breve, teremos novidades sem dúvidas.

Fotos @claudiocarpistudio

Stylist @aledupratoficial

Grooming @apoemaschiel