Bem antes de filmes de carros incríveis, tipo “Velozes & Furiosos” invadirem as telonas, um certo filme chamado Bullitt (1968) foi um hit instantâneo, no final da década de 60. Nele uma cena de perseguição entrou para a história do cinema de ação e um certo Ford pilotado por Steve McQueen virou ícone. Um Mustang fastback verde escuro ficou tão marcado que, desde 2001, a marca norte-americana vem criando uma série de versões limitadas inspiradas no clássico.

Agora a marca lança uma nova versão do modelo, em homenagem aos 50 anos da produção. O Ford Mustang Bullitt 2018 tem 475 cavalos de potência e 58 kgf/m de torque extraídos do mesmo motor 5.0 oferecido no modelo regular. O que significa um acréscimo de 30 cv sobre a versão comum, fazendo com que sua velocidade máxima vá dos 250 km/h para os 270 km/h. O câmbio é manual de seis marchas, sem opção de transmissão automática, afinal, Steve McQueen não aprovaria uma coisa dessas. Com um motor V8 de 5,0 litros otimizado, a opção de escolher uma tonalidade Dark Highland Green e uma cabine de pilotagem de última geração: este carro está destinado a se tornar uma referência de si mesmo.

Independentemente do ângulo a partir do qual é visto, o Mustang BULLITT dá uma impressão de poder, superioridade e exclusividade. Detalhes de acabamento exalam esporte motorizado, como a grade de malha preta e as teclas cromadas que a cercam. As clássicas jantes de liga leve de impulso de 19 polegadas, as pinças de travão Brembo pintadas de vermelho e as pontas de escape Black NitroPlate refletem o inconfundível poder deste cupê. Tal como o modelo original, as marcações distintivas são reduzidas ao mínimo: apenas um logótipo da BULLITT é visível no centro das costas.

Já o interior do Mustang BULLITT foi projetado para dar vida a cada um dos seus sentidos com inúmeros detalhes de acabamento refinados. Pode optar por bancos esportivos pretos RECARO, destacados por um costura em verde, assim como os painéis das portas, console central e bancos. O câmbio de marchas tem uma bola de bilhar branca como um pomo, uma referência ao modelo original. O conjunto de instrumentos LCD de última geração totalmente digital de 12 polegadas apresenta uma tela inicial exclusiva da BULLITT B&O PLAY e um sistema de áudio de 1000-Watt e 12 alto-falantes que oferece um som rico e poderoso; tecnologia de ponta que foi especialmente projetada, ajustada e otimizada para o Mustang pelos acústicos da B&O PLAY.