Rosto de ninfeta e uma beleza que encanta à primeira vista. Valentina Bulc tem chegado aos poucos e deixando uma legião de fãs babando por ela, seja na TV ou no dia a dia. Loira, olhos verdes, 1,63m de altura, corpo violão e apenas 19 anos, Valentina atualmente interpreta a personagem Salomé, na novela “Jesus” (Record), e o resultado não poderia ser diferente, um sucesso. Personagem esse que Valentina percebe muitas semelhanças entre ela, “…foram muitos os desafios que a Salomé me trouxe: primeiro, o fato de ser uma personagem bíblica; segundo, admitir algumas semelhanças com ela, como a questão da sensualidade e sempre colocar seu/meu desejo como o último”. O que tem chamado atenção na gata também é a semelhança com atriz Brooke Shields, detalhe que concordamos de cara. Bem, descubra que encantos tem Valentina e apaixone-se.

Que encantos tem Salomé? Que desafios essa nova personagem te trouxe? A Salomé é uma jovem muito bonita, tem uma sensualidade nata e é uma excelente dançarina. É, ainda, justa, apaziguadora, tem uma boa índole e não é impulsiva. Foram muitos os desafios que a Salomé me trouxe: primeiro, o fato de ser uma personagem bíblica; segundo, admitir algumas semelhanças com ela, como a questão da sensualidade e sempre colocar seu/meu desejo como o último; terceiro, as aulas de dança para a cena que ela pede a cabeça de João Batista, que apesar de muito prazerosas e divertidas, foram certamente um desafio corporal.

Depois de participar de “Malhação” e “O Outro lado do Paraíso”, agora uma novela de época. Como surgiu o convite e como está sendo a experiência? Me convidaram para interpretar a Salomé e eu fiquei extremamente feliz e lisonjeada. Desde o início, da caracterização, prova de figurino… até o fim das gravações, é tudo muito gostoso. Tem sido um grande aprendizado para mim, acho que cresci muito enquanto atriz nesse papel. Eu amo essa minha menina, ela está guardada no meu coração e eu tenho amado deixá-la crescer em mim.

Falando em “O Outro Lado do Paraíso” … você entrou na reta final para bagunçar o coreto. E aí, foi divertido fazer aquela patricinha mimada? Ficou surpresa com o resultado? Eu adorei interpretar a Eloá, foi bem divertido. Aconteceu tudo muito rápido: em menos de uma semana tinham me chamado e eu já estava gravando. Olhando para trás acho que faria algumas coisas diferentes, mas falo comigo mesma de que isso faz parte do processo não só do ser atriz mas também do ser humano – nunca vamos achar que fizemos bom o suficiente. Além das gravações, tive a oportunidade de conhecer muitas pessoas incríveis nesse pouco tempo gravando lá.

A sua estreia na TV foi mesmo com “Malhação”?  Como foi esse início? Sim, estreie em “Malhação”, e foi um presente! Nunca tinha feito audiovisual, então lembro que o início foi bem desesperador (risos) eu ficava bem perdida com termos como “se defende pra câmera”, e ficava sempre muito engessada em cena, com medo de arriscar. Com o passar dos meses eu fui me soltando, e ficou bem nítida a diferença da atriz Valentina no início e no final da novela. Fazer “Malhação” é muito gostoso, é tudo muito jovem e animado e divertido; é um produto muito querido. Sinto muita falta das gravações e das pessoas.

A beleza em algum momento atrapalhou? Eu acho que a beleza me leva a fazer papéis algumas vezes parecidos. Queria poder ter a oportunidade de fazer uma personagem que não fosse sensual, por exemplo, porque essa rubrica tá sempre em todas as minhas personagens. Mas também não deixa de ser um desafio para mim não ser apenas um “rostinho bonito” na TV, e, por isso, quero continuar estudando para me tornar uma boa atriz. Estou apenas esperando meu período na faculdade acabar e vou começar a fazer um curso com o Hamilton de Oliveira, que, a propósito, me ajudou bastante nas cenas que vieram depois da dança da Salomé e eu amei.

E já te falaram que você lembra muito a atriz Brooke Shields? E sim, (risos), já me falaram que sou a Brooke Shields brasileira, e fico muito lisonjeada. Espero um dia ser tão boa quanto ela.

Você começou cedo na TV… Agora está com 19 anos, né isso? Quais as vantagens e dificuldades? Engraçado você fazer essa pergunta porque levei esse assunto hoje para a minha psicanalista. Eu fiz 19 agora dia 7 de novembro, mas comecei na TV com 16 anos. Acho que os pontos positivos são o fato de eu agora já ter alguma experiência; já ter trabalhado em duas das três casas da dramaturgia brasileira; ter a oportunidade de conhecer várias pessoas, não só atores, e crescermos de certa forma juntos; e poder aprender na prática, o que é incrível. Sobre os pontos negativos, acho que eu devia ter estudado mais teatro antes de entrar na TV; e você começa a ficar exposta mais cedo também. Mas independente desses pontos, esse é o meu processo, e eu gosto dele, porque ele é do meu jeitinho, e a partir daí eu vou aprendendo e crescendo.

Que desafios te instigam mais na profissão de atriz? O que me move é querer sempre melhorar, crescer, aprimorar o que eu já tenho. Eu tenho muitas inseguranças e medo do julgamento dos outros, então é um desafio interno aprender a lidar com essas questões, afinal, a profissão que me escolheu está constantemente exposta e lidando com esses pontos. Então, creio que saber que isso é o que me faz querer viver, que eu quero estar sempre me superando, mas, mesmo assim, desenvolver formas de ultrapassar meus medos e aprender, é um grande desafio e é o que eu quero correr atrás.

E quando está de folga, o que faz sua cabeça? Eu amo ficar com meus amigos, assistir a séries, ir ao teatro, passar o dia inteiro na praia… De um tempo pra cá eu tenho aprendido a passar um tempo sozinha comigo também, e confesso que estou gostando da experiência.

Atualmente solteira ou comprometida? E o que te chama atenção em um cara? Atualmente estou namorando com o Tiago Marques. Acho que o que me chama atenção em um cara é o seu coração, a sua forma de se relacionar com o mundo, as suas lutas, a forma como ele expressa o que sente. Gosto de pessoas que não tem medo de mostrar o seu lado sensível e frágil, porque é o que temos de mais bonito.

Na hora da paquera você fica mais na sua ou também demonstra interesse e parte para o ataque discretamente? Na paquera eu também mostro interesse (risos) acho que fica mais fácil e objetivo se os dois lados forem claros e objetivos, em vez de ficarem fazendo joguinho e brincando de quem “se importa menos”.

É mais fácil te encontrar à noite ou durante o dia? Balada ou barzinho? Boate ou praia? O que faz sua cabeça? Acho que em todo lugar, à toda hora (risos). Tem um ditado francês que minha mãe sempre me diz que é algo como “o teto nunca vai cair na sua cabeça”, porque eu nunca estou em casa. Gosto tanto do dia quanto da noite. Acho que tudo vai depender da minha vibe do dia… às vezes só quero troca uma ideia com uns amigos num bar, outros dias que eu quero rebolar até o dia amanhecer, outros que eu prefiro passar o dia no sol e a noite vendo série embaixo do cobertor… Há uns meses atrás eu comecei um exercício que é respeitar o que eu quero fazer naquele dia, e não o que eu tinha dito que eu faria. É difícil para mim, porque sou do tipo que durante a semana já fez toda a programação do final de semana, mas estou descobrindo que é mais prazeroso e tem mais chances de você ser feliz se você respeita o que o seu corpo e o seu coração estão pedindo no momento.

Ouvimos falar que você não curtia sua barriga!? Como assim?! (risos) Como cuida do corpo? (risos) é, não vou mentir, não gosto dela. Mas eu tenho consciência que não tem nada de errado com ela, e que é apenas uma pressão social que eu absorvi de que minha barriga tem que atingir um padrão desumano que, obviamente, é impossível. Mas eu costumo, ou tento, malhar três vezes por semana, mais por uma questão de saúde e para produzir endorfina, e tento não comer muita besteiras.

É muito vaidosa? Até que ponto? Acho que sou vaidosa, mas de um jeito saudável. E também não o tempo todo (risos). Não tenho nenhum ritual de beleza, não lavo o cabelo todos os dias, não costumo usar maquiagem, não faço dietas… Mas gosto de me sentir bonita, e às vezes eu me sinto assim saindo da praia, com o cabelo de mar e a cara lavada; e outras vezes eu gosto de fingir que sei me maquiar e jogo glitter no rosto e me acho linda.

Qual seu pecado favorito? Nossa eu amei muito essa pergunta (risos). Tipo um dos 7 pecados capitais? Eu diria que a luxúria.

O que será hit no seu verão 2019? Hit na questão música? Se for, acho que a música “Várias queixas” dos Gilsons porque estou viciada (risos) Se for no sentido de, qual a boa do meu verão, eu espero que muito sol, muita praia, muito amor, muitos amigos, que eu aprenda a jogar altinha e muito trabalho (risos).

Para conquista Valentina basta… Ser honesto e a gente vê como flui 🙂