Na maioria das cidades o inverno já está dando as caras e com ele vem pequenas mudanças de estilo como o que vestir, que cores usar e por que não, que aromas predominam na estação. Saem os aromas mais leves, frescos e cítricos, e entram os mais densos e amadeirados. A nova safra de perfumes para o inverno (não que você não possa usá-los em outra estação ou tenha que largar o seu preferido) vem com aromas mais fortes e marcantes que irão esquentar a temporada de frio, especialmente à noite.

Mas como escolher o perfume ideal diante de tantas opções? Se você pensa que sentir o cheio em alguém é garantia de que será bom para vocês também, ledo engano. Fatores como pele, hábitos alimentares, grau de transpiração e perfil genético influenciam e deixam aromas diferentes em cada pessoa. O ideal é você testar com calma. Quando espirramos um perfume o primeiro cheiro que sentimos, chamados “notas de saída”, permanecem no ar por 15 minutos no máximo. Ou seja, o cheiro que vai ficar em você por horas não é o mesmo que você sentiu de início quando apertou o spray. Esse aroma que persiste por muito tempo são os chamados “notas de fundo”. Em contato com a pele, são liberadas as “notas de coração” e duram em média 40 minutos (veja quadro abaixo).

Para alguns homens ter um perfume só é sinal de personalidade. O que não quer dizer que quem goste de variar não tenha personalidade. Até por que a pessoa pode variar de marcas de perfumes, mas permanecer praticamente nas mesmas notas e aromas, como por exemplo, os amadeirados e cítricos. O ideal é ter um para usar durante o dia, no trabalho, e outro para usar à noite. O tamanho pode variar de acordo com sua freqüência. Se você gosta mais de determinada marca, sai mais em conta os frascos de 100 ml, já se você curte variar a marca, pode comprar os de 30 ml.
Um fator importante para seu perfume permanecer com aquele aroma de novo é guardá-lo em um local salvo da unidade, da luz e calor. De preferência dentro da caixa e bem fechado. Porém nunca no banheiro, por conta da umidade e do vapor que o local pode proporcionar. Até por que o perfume não dura para sempre e tem prazo de validade, que chega há dois anos. O álcool ajuda na conservação, mas o processo oxidação começa logo após se abrir o frasco. Portanto meu amigo escolha o que melhor tem a ver com você e cuide bem do seu perfume para o aroma permanecer o mesmo por muito tempo.