A busca pela beleza e estética tem movimenta um crescente mercado onde a cada dia surge uma novidade, um novo procedimento ou produto. Buscar a excelência nisso tudo é o que a paulista Cristiane Caram tem buscando. O resultado dessa dedicação é sua especialização em Harmonização Orofacial, que une procedimentos dentários com alguns procedimentos simples de harmonizar o rosto e o sorriso do paciente. E Cristiane não para por aí, criou seu próprio instituto onde é possível ministrar seus cursos com excelência, atendendo o perfil dos profissionais que procuram por especializações. Além disso, Cristiane tem desenvolvido suas próprias técnicas e colocado suas experiências em prática. Ou seja, a bela é fera e fomos bater um papo com ela para conhecer um pouco mais de sua trajetória e atuação.

Cristiane, conta pra gente um pouco de sua trajetória até suas conquistas de hoje. Me graduei pela Universidade Cidade de São Paulo – UNICID, em 1998. De lá para cá, foram muitos cursos e especializações voltados para odontologia – Especialização em Ortopedia Funcional dos Maxilares pela FAMOSP, Especialização em Ortodontia pela FAMOSP, até que me fascinei pela Harmonização Orofacial. A ideia de reunir num trabalho os conceitos de estética, beleza facial, e sorriso perfeito, fez me aprofundar cada vez mais nessa área de atuação.

Quais os maiores obstáculos encontrados ao longo disso? E como os superou? No início, a Harmonização Orofacial passou por uma fase turbulenta. Pressionados por entidades médicas e por dentistas contrários à inovação, foram publicadas uma sequência de resoluções confusas que travaram a evolução da área.

No seu trabalho um dos grandes destaques é a Harmonização Orofacial. Como é esse procedimento? A Harmonização Orofacial trata-se da combinação de procedimentos dentários com alguns procedimentos simples para harmonizar o rosto e o sorriso do paciente, pensando no lado funcional e na estética. Pode ser definida como procedimentos com objetivo de melhorar a aparência do rosto. Para isso, são utilizados preenchedores para retocar o contorno de alguma parte do rosto, como os lábios, e a toxina botulínica, para supressão de rugas, correção de sorriso gengival, melhora de assimetrias do rosto.

Quem mais procura e com que objetivo? Homens e mulheres que desejam melhorar a aparência ou promover o rejuvenescimento da face, equilibrando regiões do rosto com procedimento minimamente invasivo.

Qual o maior desafio na Harmonização Orofacial? O maior desafio, é a busca constante de ferramentas para aperfeiçoamento que possibilitem o resgate da autoestima dos pacientes.

Com tantos cursos no currículo, não basta só aprender, tem que ensinar também não é? Como descobriu sua vocação para ensinar? Foi uma coisa meio que automática. Na medida que me aprimorava através dos cursos feitos aqui no Brasil e exterior, foram aparecendo oportunidades e convites para treinamentos e para mim foi muito gratificando. À medida que ia dando os treinamentos, apareciam novas oportunidades de aprendizagem e aperfeiçoamento de técnicas.

E como chegou a criar seu próprio instituto? A ideia do meu próprio instituto, surgiu porque senti a necessidade de ter um local diferenciado, onde pudesse ministrar os cursos com excelência, atendendo ao perfil dos profissionais que procuravam por especializações. Além disso de ter um local fixo, com tudo que preciso à mão, garantindo também a utilização dos melhores produtos do mercado.

Qual o limite na área estética do rosto? Como não passar do ponto e como orientar o paciente quanto a isso? O paciente sempre chega com muita expectativa. Mas com a experiência adquirida ao longo dos anos, promovo um estudo da face e faço um planejamento com todos os pontos importantes para que ele possa ter a harmonia desejada. É sempre importante lembrar que o tratamento é individualizado. 

Já recusou fazer um procedimento? Como negar sem se comprometer tanto ou causar uma insegurança no paciente? Negar não. Sempre com uma boa conversa, consigo convencê-lo o melhor a se fazer. Temos que levar em consideração os aspectos pessoais e ter o cuidado de aperfeiçoar sem descaracterizar. A melhora tem que ser sútil, porém notável.

Qual melhor forma de atrelar saúde e estética? Eu acredito que a melhora da autoestima contribui para uma melhora no estado geral. A pessoa se torna mais feliz, produz mais endorfina e consequentemente fortalece o sistema imunológico, combate o envelhecimento e ainda diminui o estresse.

Quais os próximos passos na área profissional? O que ainda falta conquistar? Não diria que falta conquistar, mas devido à pandemia. Precisei cancelar alguns cursos que havia programado para ministrar no exterior. Mas os projetos continuam e assim que for possível, irei retomar.

E na hora de relaxar, o que procura? Para relaxar procuro ficar com a família e pessoas que amo. Uma boa conversa, um bate-papo pode ser revigorante.

Como lida com vaidade? Do que não abre mão? Não abro mão do meu cuidado diário com a minha pele e também faço questão de manter os cuidados com meus cabelos.

Por fim, quem é Cristiane Caram? Como se definiria? Sou uma pessoa sonhadora, cheia de projetos e incansável na busca de me aprimorar. Adoro novidades, aprender, desenvolver minhas próprias técnicas e colocar minhas experiências em prática (como minha técnica exclusiva de preenchimento labial Candy Lips), estar sempre em movimento em busca de ser um ser humano cada vez melhor.