Cuidar da aparência não é exclusivo das mulheres há muito tempo; os homens estão cada vez mais vaidosos e exigentes em relação à imagem. E o corpo do homem tem certas particularidades que precisam de mais atenção que o feminino. Por exemplo, você sabia que o homem tem muito mais glândulas sebáceas do que as mulheres? Por isso tanto pelo e oleosidade na pele da face, tórax e costas. Além disso, outro detalhe faz a diferença, o homem também tem mais glândulas sudoríparas, o que faz os homens suarem mais que elas.

Todo homem dá uma relaxada nos cuidados uma vez ou outra, por preguiça ou falta de tempo. Normal. Ruim quando as mancadas viram rotina. Mas às vezes também a gente faz a coisa errada por falta de informação. Confira os 10 erros masculinos mais comuns no trato diário da pele e do cabelo.

1 – Lavar demais o rosto: Excesso de limpeza piora a oleosidade e o brilho da pele, porque aumenta a produção de sebo para compensar o ressecamento provocado pelo sabonete.

2 – Lavar o rosto com sabonete de corpo: Não pode usar no rosto sabonete corporal, que tem substâncias detergentes e resseca a pele.

{SAIBA MAIS}

Por conta dos hormônios masculinos, a pele do homem é 25% mais espessa que a da mulher, possuindo mais colágeno e elastina. O que possibilita que processo de envelhecimento da pele aconteça de maneira mais lenta que o das mulheres. Porém essas características acarretam em poros mais abertos e na tendência à acne e proliferação de bactérias. Por esse motivo, o primeiro passo para ter uma pele bem cuidada, é lavar bem o rosto com um sabonete líquido facial, sempre que a oleosidade do rosto estiver excessiva. Isso também reflete nos cuidados ao fazer a barba, por isso é imprescindível utilizar um creme de barbear para amaciar os pelos, facilitando o deslizar da lâmina, sem danificar a pele. Cada vez que um homem se barbeia, remove a camada hidrolipídica, que protege a pele. Portanto, é essencial a escolha de um bom produto, que prepare a pele e minimize esse fato, evitando irritações e inflamações. Depois de fazer a barba, é importante lavar bem o rosto com água fria e aplicar um produto pós-barba no rosto e pescoço, que hidrata e suaviza a pele, além de auxiliar na cicatrização dela e na renovação das células. Para isso o indicado são as loções pós-barba que estão disponíveis no mercado para vários tipos de pele, em versões creme e gel, proporcionando um efeito mais eficaz.

3 – Não passar hidratante no rosto: Ele devolve à pele a umidade e a proteção natural eliminadas por água e sabonete. 

4 – Não lavar o rosto antes de dormir: Suor, poeira e sebo do rosto entopem os poros, provoca cravos e espinhas e agravam a acne.

5 – Não reaplicar protetor solar: Por mais potente que seja o filtro, não fica na pele o dia todo – é preciso reaplicar uma segunda vez.

6 – Usar shampoo inadequado: Descobrir qual shampoo é indicado para seu tipo de cabelo é meio caminho andado para deixá-lo do jeito que você quer.

{SAIBA MAIS}

Com os cabelos o cuidado é o mesmo. Além do xampu, um bom condicionador é importante na hora de tomar um bom banho. Vamos a algumas dicas importantes para um banho perfeito: 1) Não demore muito no banho. A água não hidrata a pele, muito pelo contrário, resseca. O tempo ideal são 10 minutos. E se você costuma tomar mais de dois banhos por dia, o indicado é que o segundo seja uma ducha rápida. Não precisa reaplicar o xampu. 2) Cuidado na temperatura da água, água muito quente resseca o couro cabeludo e a pele, além de tirar sua proteção natural. 3) Escolha um sabonete hidratante e com óleos que evitem ressecamento da pele. 4) Na hora do banho comece pelo cabelo para que a sujeira escorra logo antes de você se ensaboar, depois passe para as axilas e genitais. 5) Use a mesma marca de xampu e condicionador, pois assegura os mesmos princípios ativos fiquem equilibrados e funcionem melhor.

7 – Dormir com modelador no cabelo: As substâncias químicas de gel, pomada e cera podem prejudicar a saúde dos bulbos capilares, que devem estar sempre limpos e desobstruídos.

8 – Fazer a barba a seco ou só com água: Sempre use espuma ou gel de barbear, para fazer a lâmina deslizar melhor.

9 – Não lavar a barba do jeito certo: Os pelos juntam resíduos, oleosidade e suor. E o acúmulo de sujidade pode contribuir para o surgimento de espinhas na pele que fica embaixo dos pelos.

{SAIBA MAIS}

A pele seca apresenta pouco brilho e pouca elasticidade. Como é mais fina requer maiores cuidados para evitar irritações. Para esse tipo de pele o ideal são produtos mais densos e que ajudem na hidratação. No caso da pele oleosa, o aspecto é o oposto, onde a pele brilhante tende a ser mais propícia à cravos e espinhas. Sendo assim o ideal são produtos em gel, que não apresentem óleo na fórmula. Já a pele mista, a mais comum, apresenta brilho na chamada “zona T” (testa, nariz e queixo), deixando o restante do rosto com aspecto seco. Para esse tipo de pele o ideal são os produtos que contém óleo para as partes secas do rosto. Por fim, a pele normal, que tem uma composição mais equilibrada, abertura dos poros quase imperceptível e sempre suave. Para peles normais o ideal é o uso de colônias suaves.

10 – Espremer cravos e espinhas: Há risco de o cravo virar uma bela espinha e esta pode inflamar ainda mais e render uma cicatriz de acne.

Fonte Homem no Espelho (@homemnoespelho)