Em tempos complicados como o atual por conta do novo corona vírus, onde o aconselhado é sair de casa o mínimo possível, muitas empresas e profissionais adotaram o já bem comum jeito de trabalhar hoje em dia, o home office. O que ajuda muito nisso são as inúmeras possibilidades que a tecnologia nos traz. A internet quebrou fronteiras e aproximou pessoas. O e-commerce é uma realidade e as redes sociais tratam de juntar pessoas. Produzir de casa, sem precisar se arrumar e enfrentar o trânsito para ir diariamente para o trabalho… Que sonho não é?!

Acordar um pouco mais tarde, ou aproveitar pra fazer aquela ginástica que nunca dá tempo; tomar o café da manhã sem olhar para o relógio… sim, isso existe e faz parte da realidade de milhões de profissionais no Brasil e no mundo.

Eu sou prova disso. Há mais de 15 anos, comecei a experiência de ter um escritório de trabalho em casa. Nesse tempo todo aprendi muito e posso afirmar que, para quem conseguir se manter focado sem ceder às possíveis dispersões domésticas, não tem nada melhor que a paz e o conforto do lar para trabalhar.

Pesquisas dizem que atualmente já são 12 milhões de pessoas trabalhando de casa no Brasil. E fazer home office não é estar fora do mundo: viva a internet, que aproxima as pessoas e encurta distâncias! Erra muito quem pensa que trabalhar em casa é ficar de pijamas, fazer quando quiser ou de qualquer jeito. Manter o foco é necessário e desafiador.

Algumas dicas para quem quer (ou precisa) trabalhar em #homeoffice nesses tempos de recolhimento por causa da pandemia de #Coronavírus:

1 – Estabeleça horários de início, pausas para descanso e término.  Não é por estar em casa que você não tem rotina e metas;

2 – Não misture a dinâmica da casa com o seu trabalho. Lembre-se: você não está de folga;

3 – Se organize: tenha tudo o que precisa no mesmo lugar: computador, impressora, documentos, material de escritório, etc.;

4 – Oriente a família e funcionários de que você está trabalhando e, por isso, não está disponível para resolver demandas domésticas;

5 – Respeite a pausa para o almoço, mas não abuse das paradinhas para água, café e idas ao banheiro. Se for preciso, seja breve.

No mais, se sentir falta de gente – e isso pode acontecer – procure um coworking para trabalhar em meio a outras pessoas. É legal variar o clima de vez em quando.