De cueca, pijama ou simplesmente nada! Como você costuma dormir? Já pensou que essa escolha pode influenciar na sua saúde e no seu organismo? Uma coisa tão simples, que vem da natureza e ao longo da vida vamos criando barreiras e obstáculos. Depois de ler este artigo pense com carinho na possibilidade de abrir mão do pijama e dormir como você veio ao mundo. Estudos mostram que dormir nu pode trazer inúmeros benefícios para a saúde, como facilitar a queima calórica, prevenir infecções com fungos e até aumentar a produção de espermatozoides. Olhai, quer mais bons motivos que estes?!

O mecanismo foi desvendado por um estudo publicado tempos atrás na revista científica Brain. Os pesquisadores descobriram que um leve resfriamento na temperatura da pele causa mudanças significativas na qualidade do sono e, por consequência, na saúde. “Basta uma redução de 0,4ºC”, escreveram os autores. A pequena queda na temperatura foi atingida entre os voluntários que dormiram nus. “A ausência de roupas altera a temperatura central do organismo, diminui o estado de vigília noturna e ajuda a induzir estágios mais profundos.”

O que já se sabia anteriormente era que a pele mais quente perturba o sono, daí a razão de termos mais dificuldade de pegar no sono em noites mais quentes ou em ambientes com temperatura elevada. Sabiamente isso acontece porque o corpo humano foi projetado para resfriar naturalmente durante o sono e esquentar na hora de acordar. Isso sem falar que temperaturas mais amenas durante o sono garantem um sono mais profundo e com mais qualidade, o que, por sua vez, ajuda na liberação da tal “gordura marrom”. Essa gordura saudável é encontrada na região do pescoço e ajuda a queimar calorias enquanto fabrica calor para o corpo.

Isso mesmo, dormir pelado é saúde e mais bem-estar. No calor ou no frio, tudo é questão de costume. Só ou acompanhado, o fato é que foi comprovado cientificamente que dormir nu faz bem. Pensando nisso listamos aqui 7 motivos defendidos por cientistas e estudiosos das vantagens de despir-se na hora de dormir.

1 – MELHOR QUALIDADE DO SONO – Segundo a Academia Americana de Ciência do Sono, quem dorme sem roupa tem um sono mais profundo e relaxado graças a redução da temperatura nuclear do corpo. O uso de pijama e roupas interfere no mecanismo de temperatura do corpo, pois o corpo fica mais quente que em sua temperatura natural, podendo assim causar insônia.

2 BEM PARA A AUTO-ESTIMA Você pode não saber, mas a alta temperatura enquanto dormimos atrapalha a produção de melatonina e outros hormônios que possuem ação anti-envelhecimento, são eles os responsáveis por deixar nossa pele e cabelos mais saudáveis.

3 – PERDER PESO – Conforme o corpo esfria, os hormônios do crescimento (citados acima) aumentam e o nível de cortisol diminui (associado ao estresse e que mantém a fome e a energia sob controle). Isso sem falar que a temperatura baixa ativa a gordura marrom, considerada boa para o organismo pois produz calor e mantém o corpo aquecido. Com esse tipo de gordura ativada, além da queima de calorias, o corpo fica mais sensível a insulina, o que regula os níveis de açúcar no sangue.

4 – SEU CORPO RESPIRA MELHOR – Dormir pelado deixa seu corpo respirar com mais facilidade. Afinal, seus órgãos genitais também precisam pegar um arzinho de vez em quando. Isso evita que algumas partes de seu corpo guardem umidade e assim desenvolvam fungos e bactérias.

5 – AJUDA A REDUZIR PRESSÃO ARTERIAL – Para quem divide a cama com outra pessoa, o contato de pele na pele faz com que o organismo produza mais ocitocina, conhecido como o “hormônio do amor”, o que gera reações e ações. A ocitocina tem a capacidade de manter a pressão arterial bem regulada e tem efeito nas sensações de prazer e afeto. Ou seja, melhor humor e disposição.

6AUMENTO NA PRODUÇÃO DE ESPERMATOZOIDES – “No ponto de vista médico, o que acontece é que o testículo tem que trabalhar a 35°C, mais gelado que o corpo”, afirma Alex Meller, urologista da Unifesp (Universidade Federal de São Paulo). Usar cuecas muito apertadas ou até mesmo pijamas quentes pode elevar a temperatura dos testículos e afetar a fertilidade masculina. “O aquecimento do testículo atrapalha a produção e maturação dos espermatozoides. Eles se tornam menos numerosos, mais lentos e podem ocorrer até malformações neles”, explica Meller. Dormir pelado ainda ajuda a manter a temperatura ideal para o funcionamento dos órgãos da bolsa escrotal, que é de 35°C –1,5°C abaixo da corporal.

7 – MAIS PRATICIDADE – Por fim, a parte prática e econômica da escolha em dormir sem nada. Diminui ter que comprar, lavar, secar e escolher pijama … tudo isso deixa de ser uma preocupação. Poupa tempo e ganha praticidade.