Passaram 50 anos desde que a humanidade deu os primeiros passos desafiadores a caminho da Lua – um momento que alterou a História (e os limites do possível) para sempre. Nestas bodas de ouro, a OMEGA comemora a ocasião com um novo Speedmaster, que tem uma conexão muito especial com os astronautas e o legado da missão Apollo 11.

COMO A OMEGA CHEGOU À LUA

Neil Armstrong e Buzz Aldrin tornaram-se os primeiros humanos a caminhar na superfície lunar, no dia 21 de Julho de 1969. Este passeio lunar durou apenas 2 horas e meia, tendo deixado uma pegada permanente na história da exploração espacial. Foi durante este momento especial que o OMEGA Speedmaster Professional se tornou o primeiro relógio utilizado na lua.

A missão Apollo 11 é seguramente o momento mais celebrado dentro do legado espacial da OMEGA. No entanto, a jornada para atingir esse ponto começou mais de 10 anos antes, em 1957, quando o primeiro OMEGA Speedmaster foi lançado.

Graças ao seu design robusto, confiável e de fácil leitura, o Speedmaster tornou-se conhecido como a “escolha dos pilotos” e foi adotado por pilotos da Força Aérea Norte-Americana. Muitos desses pilotos iriam se tornar astronautas na missão Mercury, a primeira missão espacial tripulada. Em 1963, um desses astronautas, Walter Schirra, levou o seu próprio Speedmaster CK2998 na missão Mercury-Atlas 8. Orbitando a Terra seis vezes, o seu modelo pessoal tornou-se o primeiro relógio OMEGA utilizado no espaço.

Em 1964, o programa espacial da NASA acelerava rapidamente e foram oficialmente à procura de um relógio em que pudessem confiar para todas as suas missões tripuladas. O Diretor de Operações da Tripulação de Voo, Deke Slayton, emitiu um pedido para relógios de pulso cronógrafos de diferentes fabricantes mundiais de relógios. Várias marcas, incluindo a OMEGA, submeteram as suas peças aos exigentes desafios – tais como testes térmicos, de choque, de vibração ou de vácuo, entre outros. Apenas o Speedmaster sobreviveu a esses testes e, como resultado, foi declarado “Flight Qualified for all Manned Space Missions” no dia 1 de Março de 1965.

A partir desse momento, a OMEGA tornou-se o único fornecedor de relógios para o Programa Espacial tripulado da NASA. Foram usados nas próximas missões Gemini seguintes e, claro, nas missões Apollo – que tinham o seu objetivo focado na Lua.

James Ragan, o engenheiro da NASA que qualificou o Speedmaster em 1965 falou sobre a importância da OMEGA ao dizer: “O relógio era um backup. Se os astronautas perdessem a capacidade de se comunicar com a base, ou a capacidade dos seus aparelhos digitais na superfície lunar, a única peça em que podiam confiar era o OMEGA que tinham no seu pulso”.

Com os olhos do mundo voltados para a missão Apollo 11 em 1969, cada peça de tecnologia, cada componente tinham que funcionar. Não havia espaço para errar. É por isso que é uma honra para a OMEGA olhar para trás e ver que os seus relógios tinham a confiança de todos os envolvidos. 50 anos mais tarde, continuamos incrivelmente orgulhosos de termos cronometrado um das mais importantes momentos da Humanidade.

UM TRIBUTO AOS HERÓIS

O sucesso da missão Apollo 11 foi bastante comemorado ao redor do mundo em 1969. No dia 25 de Novembro desse ano, um jantar especial dedicado aos astronautas aconteceu em Houston, Texas, como tributo aos heróis da alunagem. O jantar foi especialmente notável por um certo OMEGA Speedmaster que foi apresentado aos astronautas do programa espacial da NASA. O relógio, Speedmaster BA145.022, tinha a caixa em ouro amarelo de 18k com uma rara escala de cor vinho, e uma inscrição no fundo da caixa onde se podia ler, “to mark man’s conquest of space with time, through time, on time.”

Este Speedmaster de ouro era alimentado pelo calibre 861 e era a primeira edição comemorativa numerada OMEGA, com apenas 1.014 peças produzidas entre 1969 e 1973. A primeira peça foi produzida para o presidente americano, Richard Nixon, sendo o número dois reservado para o vice-presidente americano Spiro Agnew. Estas duas peças foram, no entanto, devolvidas à OMEGA devido ao rígido protocolo de presentes do governo americano.

Os modelos numerados entre 3 e 28 foram oferecidos aos astronautas da NASA, incluindo os 19 que estiveram presentes no jantar em Houston. Estas peças também incluíam as 3 oferecidas postumamente aos membros da tripulação que morreram durante a missão Apollo 1 – Virgil Grissom, Ed White e Roger Chaffee. As peças numeradas entre 29 e 32 foram oferecidas a líderes da indústria relojoeira suíça e a políticos, sem terem números gravados.

Ao público foi dada a possibilidade de adquirir as peças numeradas entre 33 e 1000. Apesar destes modelos terem diferentes inscrições no fundo da caixa, podendo-se ler “OMEGA SPEEDMASTER”, “APOLLO XI 1969” e “Ω THE FIRST WATCH WORN ON THE MOON”, permaneceram altamente procurados devido à sua raridade e ligação ao espaço. Vinham apresentados em um estojo especial em forma de cratera lunar, a qual é hoje em dia um item de colecionador.

Também é interessante saber que as peças numeradas 1001 – 1008 foram mais tarde oferecidas aos astronautas da missão Apollo 14 e 17, enquanto as peças 1009 – 1014 foram reservadas para outras personalidades.

Para os verdadeiros fãs do Speedmaster, o BA145.022 é o grande destaque na icônica história deste cronógrafo. Não é apenas uma peça muito interessante de apreciar, com o equilíbrio do ouro com o vinho, mas também um alto tributo aos astronautas da NASA que levaram a humanidade até à Lua.

EDIÇÃO LIMITADA 50º ANIVERSÁRIO

Marcando as bodas de ouro da primeira alunagem, a OMEGA produziu uma nova Edição Limitada de 1.014 peças, entregues com garantia de 5 anos. Seguindo a linha do famoso design do Speedmaster BA145.022, este novo cronógrafo foi produzido numa nova liga de ouro de 18k e é alimentado pelo novo calibre 3861 Master Chronometer de corda manual.

Ouro 18K Moonshine™

A caixa, pulseira, mostrador, índices horários e de minutos foram todos confeccionados em ouro 18K Moonshine™ – uma nova liga na qual a cor é inspirada no brilho da Lua num céu azul escuro. Num tom mais claro que o ouro amarelo tradicional, o ouro Moonshine™ tem alta resistência à perda de cor e brilho ao longo do tempo.

Caixa e Pulseira

A caixa de 42mm escovada e polida desta peça apresenta a lateral assimétrica da 4ª geração de Speedmaster. Em volta do pulso, a pulseira escovada e polida tem o design com 5 elementos por fila e um fecho com um logo vintage Ω aplicado.

Escala de Cerâmica Vinho [ZrO2]

Permanecendo fiel à peça histórica de 1969, a OMEGA incluiu uma escala na cor vinho – desta vez em cerâmica [ZrO2], que tem um processo de patente pendente, com o taquímetro em Ceragold™. Seguindo a primeira geração da escala taquimétrica do Speedmaster, que vem graduada com 500 unidades por hora, este novo modelo tem um ponto acima do 90 (também conhecido como “Dot Over 90” ou “DON”).

Ônix e Preto

O mostrador escovado verticalmente tem marcado “Au750” devido ao uso de ouro e é realçado pelos índices facetados em ônix preto colocados nos marcadores de hora polidos, tal como os ponteiros de horas e minutos que foram preenchidos com verniz preto bem como o ponteiro de segundos central e os ponteiros dos sub-mostradores.

Fundo de Caixa Único

O anel exterior da caixa apresenta uma gravação mecânica: “1969-2019” com a numeração da edição limitada destacada em vinho e ainda uma gravação “Master Chronometer” sem cor.

O anel decorativo interior, também em ouro 18K Moonshine™, sofreu dois processos de ablação separados e ainda dois tratamentos de cor PVD (Physical Vapour Deposition) azul e preto. Tendo como resultado final os seguintes resultados:

– Um acabamento azul oceano mate que circunda um mapa parcial do continente americano (com acabamento polido), com um destaque em Cabo Canaveral, o local de lançamento de foguetes, conhecido como Cape Kennedy entre 1963 e 1973.

– Um acabamento preto mate que acentua as gravações polidas “APOLLO 11 – 50th ANNIVERSARY” e “THE FIRST WATCH WORN ON THE MOON”.

Por último, uma fina camada de meteorito, representando a Lua, foi delicadamente colocada na cavidade do anel. Interessante detalhe no anel interior em que a Terra e a Lua foram produzidas respeitando a sua proporção real (3.67: 1 em diâmetro). 

Movimento

Este Speedmaster é alimentado pelo Calibre OMEGA 3861 Master Chronometer – um movimento de corda manual com escape Co-Axial, espiral do balanço em silício Si14, platina e pontes do movimento com tratamento de ouro Moonshine™ com detalhes vinho.

Logos Vintage

Para os apaixonados pela história OMEGA, existem vários logos vintage OMEGA que podem ser encontrados ao longo do design da peça – incluindo o mostrador, coroa e o fecho da pulseira.

Estojo Cratera

Um relógio único num estojo único! Inspirado no estojo original do modelo BA145.022 de 1969, a OMEGA criou um novo estojo cratera na qual colocará a peça de Edição Limitada. Os painéis do estojo são em cerâmica com impressão 3D da superfície lunar. Como cada painel é estruturado de forma diferente, não existirão dois estojos iguais. Além disso, o painel superior de cada estojo tem impresso uma imagem do Mar da Tranquilidade e a posição da alunagem da missão Apollo 11.