Quem disse que os tais “quinze minutos de fama” de um ex-BBB são realmente apenas quinze? A bela Hariany Almeida, 22 anos, saiu com alta aceitação e popularidade do reality ano passado, emendou com outro, “A Fazenda” e foi aos poucos conquistando seu lugar ao sol nas redes sociais. De lá pra cá Hariany tem só colhido os frutos dessa trajetória. Conquistou fãs e marcas, tem atuado de forma mais ativa e não para quando se trata de um novo projeto. “Mas trato isso com muita sabedoria e atendo todos que me param com muito carinho”, comenta ela sobre o que faz essa popularidade só aumentar. Divertida e espontânea, conversamos com Hari (já nos sentimos íntimos) e o resultado é essa bela matéria que merece muitos likes.

Hariany, quer dizer que existe vida após o BBB… E muito boa por sinal não é? Com certeza! O BBB mudou minha vida de uma forma que eu jamais imaginaria. Pude realizar trabalhos e projetos, além de trazer pra fora do confinamento, amizades que quero levar pra sempre comigo.

Qual o ônus e o bônus dessa visibilidade que o programa dá? O bônus está no carinho que recebo dos fãs, nas oportunidades de trabalho com a minha imagem, tudo feito com muito prazer. E o ônus fica por conta de ter perdido um pouco da privacidade. Mas trato isso com muita sabedoria e atendo todos que me param com muito carinho.

Em algum momento foi julgada pela imagem, apenas? Como contornar isso? A exposição seja em um reality ou nas redes sociais, te coloca nessa situação de julgamento ou interpretação errada de coisas que você fala ou faz. Eu prefiro ignorar os comentários maldosos, pois sei que a quantidade de elogios e de pessoas que apoiam minhas atitudes é muito maior.

Você possui muita fama e milhares de seguidores nas redes sociais.  Como separar o que é público e o que é privado? A separação realmente é difícil, pois os seguidores acabam cobrando que você poste cada vez mais, querendo te acompanhar e ter uma relação cada vez mais próxima. Acredito que quando o conteúdo é privado, é melhor não compartilhar ou revelar apenas para amigos mais íntimos.

Acredita que por conta desse universo que as redes sociais proporcionam a disputa fica ainda mais acirrada pela fama? Infelizmente, sim. Mas eu costumo tratar da forma mais natural possível, não forço rivalidade com nenhuma outra influenciadora ou busco me envolver em polêmicas para alcançar likes. Há outras formas mais legais de se conquistar seguidores.

Como se manter em evidência e mostrar que não é só uma chuva passageira? Buscar outras frentes e fugir do lugar comum. Hoje tenho projetos como modelo de marcas importantes no mercado da moda, continuo estudando esse mercado no qual eu já fazia faculdade e estive recentemente na semana de moda de Nova Iorque aprendendo ainda mais. O importante é mostrar verdade no segmento que você ama e continuar trabalhando.

Existe cantada perfeita pra você? Acredito que não, ou pelo menos ainda não ouvi. Sou muito mais da antiga, prefiro bater um papo e conhecer melhor a pessoa.

Quando está à fim de alguém é de ir pro jogo ou fica só jogando charme de longe? Eu me aproximo sim, acredito que a mulher também tenha essa liberdade para mostrar atitude e impressionar quem está afim.

O que te faz relaxar e onde procura inspiração? Estar com a família e curtindo a natureza. Sou uma goiana raiz e não consigo me desapegar.

O que um homem precisa ter ou fazer para chamar atenção? Ser carismático, bem humorado e respeitador. Nunca busquei um príncipe encantado, mas acredito que ainda existam homens com esse perfil.

É muito vaidosa? Até que ponto? Do que não abre mão? Pelo fato de estar na mídia e nas redes sociais, não abro mão de estar com a aparência bem cuidada. Me considero vaidosa sim, mas não sou exagerada. Tudo em excesso pode se tornar prejudicial ou trazer uma cobrança maior em si mesma.

Você é uma mulher sexy aos nossos olhos, e aos seus? O que mais agrada em você e quando se sente sexy? Obrigada, me sinto muito com o meu corpo. Acredito que quando me arrumo para uma festa ou um evento com trajes mais formais, me sinto sexy sim. É importante para toda mulher se sentir bem consigo mesma.

Para dormir prefere… Roupas leves, frio e cheiro de terra molhada.

Qual o programa ideal para um sábado à noite e para um domingo de dia? Sábado, barzinho ou resenha com os amigos, domingo, churrasco em casa ou cineminha com os amigos.

Pra te conquistar basta… Ser sincero sempre.

Fotos Ludimila Spíndola / Styling @producaofoto