Perseu Coffee House, charmoso restaurante e café localizado no térreo do edifício Santos Augusta, em São Paulo, onde funcionam também o Teatro Unimed e o Casimiro Ristorante, retoma suas atividades, contando, a partir de agora, com novo cardápio assinado pelo chef Thiago Cerqueira e todos os cuidados necessários para voltar a abrir com os mais altos requisitos de segurança que o momento exige.

CONFORTO, PRATICIDADE E ALTA QUALIDADE

Com projeto assinado por Isay Weinfeld e mobiliário vintage original dos anos 50 e 60, com peças de designers como Zanini Caldas, Sergio Rodrigues, Carlo Hauner, Jorge Zalszupin e Wily Guhl, o Perseu Coffee House teve seu nome inspirado na constelação Perseu. Segundo a mitologia grega, Perseu foi um semi-Deus e ancestral dos Imperadores da Pérsia, onde, por volta do século XVI, o café foi torrado pela primeira vez. O Perseu oferece cardápio e ambiente perfeitos para serem aproveitados na companhia de familiares e amigos, com total liberdade de horários, seja para começar bem o dia, um almoço fora de hora, um chá ou lanche de final de tarde ou o inigualável prazer de saborear os mais puros cafés, a qualquer momento.

Uma cozinha que acolhe sabores e aromas de várias partes do mundo, sempre com destaque para a qualidade e o frescor dos produtos, a simplicidade dos processos e suas surpreendentes combinações. Alguns clássicos revisitados, em que chamam a atenção a alta qualidade dos produtos e o respeito a cada ingrediente, representando muito bem as influências na formação do chef Thiago Cerqueira. Sabores do Brasil em deliciosa conversa com sabores do mundo, particularmente Itália, França, Japão, Tailândia, Índia e Oriente Médio, em uma diversidade de opções que agradam em cheio os mais diversos tipos de paladares, inclusive as crianças. Um cardápio vivo, sempre dedicado à máxima qualidade e frescor dos produtos, sempre com novidades sazonais.

Sabores do menu… na sequência dos pratos: Ômega (avocado, salmão marinado, ovo mexido, sour cream e rúcula selvagem), Crux (mix de cogumelos, ovos mollet, tomates assados e ricota de castanha do Pará), Hydra (creme de burrata, figos frescos, mel de trufa e rúcula selvagem) e o Hot Dog (clássico francês apresentado na baguete francesa de farinha orgânica e fermentação natural, com textura perfeita, salsicha frankfurter artesanal com molho bechamel, funduta de emmental e fritas).

MENU CRIATIVO

Simplicidade com qualidade é a marca deste novo menu, em que os produtos orgânicos predominam, vindos diretamente de uma fazenda pioneira neste tipo de cuidado com a produção, no interior de São Paulo, com algumas opções veganas, sem lactose e sem glúten. Entre as novidades, várias opções de toasts como o Hydra (creme de burrata, figos frescos, mel de trufa e rúcula selvagem, R$ 38), o Sigma (avocado, salmão, ovo perfeito e brotos de coentro, R$34) e o Atenas (homus de beterraba, queijo de cabra, castanha de caju e ovo perfeito, R$29). Os “montadinhos”, sempre servidos com pão tostado de fermentação natural, incluem opções como o Ômega (avocado, salmão marinado, ovo mexido, sour cream e rúcula selvagem, R$ 47), o Crux (mix de cogumelos, ovos mollet, tomates assados e ricota de castanha do Pará, R$ 42), o Canis (figos grelhados, jamon, ovo mexido, ricota de búfala e rúcula selvagem, R$ 49) e o Steak Tartar (com salada de pupunha, mix de folhas e fritas, R$62).

O menu também oferece uma boa variedade de saladas, como a Zeta (avocado, muçarela de búfala, tomate assado, manjericão, hortelã e vinagrete de dijon, com mix de folhas e pancs, R$ 37), a Zeus (salmão, salada de pupunha assada com azeite trufado, cogumelo enoki crocante, aioli de avocado e pimenta sriracha, R$ 49) e a Niçoise (atum selado, vagens, batatas cozidas, ovo cozido, tomate assado, cebola roxa, azeitona preta, mini alface romana e alcaparrones, R$ 52). E não poderiam faltar os sanduíches, como o Libra (camarão empanado, waffle, avocado, maionese de sriracha, broto de coentro e fritas, R$ 44), o Croque Madame (brioche, presunto royale, emmental, bechamel gratinado, ovo frito, mix de folhas e pancs, R$ 48), o Hot Dog (clássico francês apresentado na baguete francesa de farinha orgânica e fermentação natural, com textura perfeita, salsicha frankfurter artesanal com molho bechamel, funduta de emmental e fritas, R$ 39) e o vegetariano Gama (ciabatta rústica, tomate assado, cogumelos, mini abobrinha e mini berinjela grelhados, ricota de castanha do Pará e pesto, R$ 38).

OS CAFÉS, OS CHÁS

O menu de cafés oferece opções preparadas com grãos especiais, de torrefação artesanal e com garantia de procedência. Entre os espressos, destaque para o Espresso com Panna (com chantilly e cardamomo, R$ 10) e o Espresso Oriente (com gengibre, cardamomo, laranja, chocolate branco e marshmallow gratinado, R$ 16). Entre os coados, destaque para o Crater (com notas de mel, frutas amarelas e caramelo, R$ 14) e o Andrômeda (com notas de amora, pitanga e maracujá́ doce, R$ 18). Também há várias opções de bebidasgeladas, chocolates e chás, como o Toronto Nights (chá́ branco, chá verde, capim limão, laranja, rosa mosqueta sabor canela e amêndoas, R$ 11).

THIAGO CERQUEIRA, O CHEF

Nascido em Belo Horizonte, Thiago Cerqueira (foto acima) começou sua trajetória na cozinha de grandes chefs franceses, como Marc Le Dantec (no restaurante que levava seu nome, em Salvador) e Erick Jacquin (no La Brasserie e no Tartar & Co.). Outro cozinheiro que teve uma colaboração significativa na formação de Thiago foi seu irmão mais velho, Luiz Emanoel, que durante anos comandou o Allez, Allez!. Depois de passagens pelo belo-horizontino Taste Vin e pelos paulistanos Le Repas La Maison Est Tombée, em meados de 2016, Thiago se juntou ao time responsável pela criação do Sympa, que já foi considerado um dos melhores novos restaurantes da cidade em 2017 (Folha de S. Paulo e Veja São Paulo). Em 2017, ganhou prêmio de Chef Revelação (GoWhere), figurou na lista dos 11 chefs mais promissores do país (GQ / Alexandra Forbes) e seu restaurante Sympa ficou entre os finalistas na categoria Melhor Francês pela edição Comer & Beber da Veja São Paulo. Em 2018, Thiago foi o responsável pela cozinha do restaurante Loup, escolhido Estreia do Ano (Veja Comer e Beber) e eleito o Melhor Restaurante de Cozinha Contemporânea do Brasil (revista VIP).

O CUIDADO COM A SEGURANÇA E A SAÚDE

O Perseu Coffee House reabre com todos os cuidados necessários e os mais altos requisitos de segurança. Há grande rigor na entrada de produtos, com constante higienização de ambiente, mesas, cadeiras, pisos, balcão e portas. Pratos, copos, talheres e guardanapos são colocados na mesa apenas na hora de servir, com cardápio online, acessível por QR code, e todos os funcionários usam máscaras e face shields. Em todas as mesas, com no mínimo 2 metros de distância uma da outra, há dispenser com álcool em gel, em um ambiente muito arejado e cheio de luz natural, contando inclusive com amplas áreas externas. Na chegada, é medida a temperatura corporal de todos que entram e também são disponibilizadas máscaras descartáveis, em caso de necessidade.

SERVIÇO

Perseu Coffee House

Endereço: Edifício Santos Augusta, Alameda Santos, 2159, esquina com rua Augusta, Jardins, São Paulo

Horários: de segunda a sexta, das 8h às 20h, sábados e domingos, das 9h às 21h. Take away: de segunda a sexta, das 8h às 20h, sábados e domingos, das 9h às 21h.

Reservas: (11) 4420-3136

Capacidade: 249 lugares

Acesso para portadores de necessidades especiais

Estacionamento: R$ 25 (preço único, manobrista na porta)