É crescente a busca de pessoas querendo iniciar a prática de alguma atividade física, seja musculação ou diversos esportes como corrida, natação e crossfit. Os motivos são diversos, emagrecer, ganho muscular, melhorar a saúde, ganhar condicionamento físico e até se desafiar em algum esporte, o importante tomar atitude e mudar a rotina. Com tantas pessoas iniciando alguma atividade esportiva, surgem muitas dúvidas sobre essas práticas. Para ajudar a esclarecer os principais questionamentos, fomos bater um papo com alguns profissionais da área e obter respostas simples que nos ajudem a esclarecer os principais questionamentos dos leitores. Confira a 1ª parte da matéria. Em breve vocês conferem a segunda parte.

NUNCA FIZ MUSCULAÇÃO, COMO POSSO INICIAR NESSA MODALIDADE DE EXERCÍCIO?

Arthur Ribeiro: O primeiro passo ao iniciar a prática de exercícios, como musculação, é fazer uma boa avaliação física, conhecida como anamnese. Diante dessas informações, entendendo as deficiências e necessidades, o profissional terá condições de desenvolver um programa de treino mais alinhado com os objetivos do aluno.

Ítalo Siqueira: Um bom acompanhamento médico é bom não só para quem está começando, mas para todos os níveis de atletas, com exames periódicos e acompanhamento de todas as etapas de treino do aluno. Ciente das boas condições de saúde, o aluno poderá treinar de forma mais eficiente e segura.

TANTO NA MUSCULAÇÃO QUANTO NA PRÁTICA DE OUTROS ESPORTES COMO CORRIDA OU CROSSFIT, QUAIS CUIDADOS DEVO TER AO COMEÇAR?

Thiago Coutinho: Além dos cuidados já mencionados, na corrida o primeiro passo é fazer um teste para identificar o tipo de pisada (supinada, pronada ou neutra). A escolha do tênis adequado para o tipo de pisada e formato do pé será o grande diferencial ao prevenir lesões e dores articulares. Um outro ponto importante é que existe tênis para os diversos objetivos de corrida, desde mais simples para caminhadas e corridas de até 5k como os de melhor performance para distâncias de 10k, 21k e até 42k. Uma boa orientação quanto a escolha do tênis adequado aos objetivos do atleta fará toda diferença.

Pedro Cavalcanti: Todos esses cuidados quanto ao tipo de pisada, formato do pé e objetivos da corrida, fazem parte de uma boa avaliação física feita por um profissional que irá orientar e acompanhar toda a evolução sem abrir mão da integridade física do aluno.

Ítalo Siqueira: Não precisa ter medo de iniciar uma atividade física ou caminhada… A corrida, ou crossfit são esportes de maior impacto e o acompanhamento de um profissional da área irá evitar lesões no aluno.

É CADA VEZ MAIS COMUM A PRÁTICA DE ESPORTES COMO CORRIDA E CROSSFIT, HAVENDO INCLUSIVE UMA MIGRAÇÃO DA PRÁTICA DE MUSCULAÇÃO PARA ESSES ESPORTES. É POSSÍVEL COMBINAR A MUSCULAÇÃO COM OUTROS ESPORTES, MELHORANDO O DESEMPENHO DOS PRATICANTES?

Arthur Ribeiro: Não só é possível como se deve combinar a musculação com outros esportes. O corpo humano precisa de valências físicas como força, boa massa muscular e resistência para prevenir lesões e melhorar a performance durante a prática dessas atividades. A exemplo do Crossfit que ganhou muitos praticantes nos últimos anos, por ser um esporte de mais impacto e necessitar de muita estabilidade e consciência corporal, a musculação irá auxiliar nesse fortalecimento permitindo melhor performance na prática do esporte. A prática de musculação tanto pode ser meio como fim, se quero uma hipertrofia muscular a musculação será um fim, porém se quero melhorar minha performance em outro esporte, a musculação será um meio.

PRECISO TREINAR TODOS OS DIAS?

Cristiano Ricardo: A prática de esportes diária irá depender dos objetivos de cada aluno. Se apenas quer fazer um esporte de forma regular podendo assim ser em dias alternados ou se deseja se desenvolver como atleta e pratica mais de um esporte, como já falamos. Importante alternar os grupos musculares permitindo a recuperação cíclica de cada grupo e evitar lesões por excesso de carga num grupo específico. A composição da prática de musculação com outros esportes como corrida e crossfit em dias alternados se torna bem eficiente.

POR QUE SINTO DOR UM OU DOIS DIAS DEPOIS DOS EXERCÍCIOS?

Pedro Cavalcanti: Quando se inicia uma atividade física, a musculatura do aluno não está acostumada aos estímulos dos exercícios. Esses exercícios geram microlesões musculares. As dores são justamente o rompimento das fibras, conhecida como dor tardia. A cicatrização dessas microlesões e reconstrução muscular gera justamente a hipertrofia. Com a repetição dos exercícios o corpo se adapta e não temos mais dores. Importante é não desistir, começar os treinos de forma leve e ir aumentando gradativamente à medida que o corpo for se adaptando.

CONCLUINDO…

Nesse bate papo informal, passamos por algumas dúvidas básicas de quem está iniciando a prática de exercícios físicos. Esse time de profissionais nos ajudou com respostas de fácil compreensão que irão esclarecer muitos questionamentos e orientar a uma prática de exercícios de forma saudável e segura. Então, sem mais desculpas, escolha a atividade mais gosta, defina seus objetivos e saia do sofá. Incorpore uma rotina de treinos consistente junto com uma boa alimentação, busque uma vida mais saudável. Na segunda parte vamos tirar dúvidas de quem requer atenção especial ou possui alguma limitação.

Texto Fábio Carrilho (@fabiocarrilho.c3)

Fotos Rafaela Carrilho (@rafaelacarrilhofotografia)

CONSULTORIA

Arthur Ribeiro | CREF: 009543-G/PE

Ítalo Siqueira | CREF: 012358-G/PE

Pedro Cavalcanti | CREF: 012315-G/PE

COLABORAÇÃO

Thiago Coutinho / Cristiano Ricardo